quinta-feira, 18 de março de 2010

Poesia/04

Lívia

Lívia
Venha ao meu encontro
Traga puro alívio
A quem te quer tanto
Ah, Lívia
Coisa insensata
Desejar-te assim
Lívida
Mas vívida
Em mim
Lívia
Tua languidez
Quimera ser só minha
Mesmo ainda em sonho
Te garanto
És minha rainha.

2 comentários:

Suelen disse...

Lívia é o nome da bichinha que vai nascer? :P (hoje eu tô podre pra comentários, kkk...).

Ricardo Jorge Peres disse...

Oi Taty! Como vai vc?
Adorei sua ideia... Quem derá ter esse saco... Vou torcer para vc conseguir chegar ao final de seu intento com sucesso!
Sorte!