domingo, 8 de agosto de 2010

Poesia/76



Perdida em meus acordes
Já não toco como antes
Se começo com
Troco por num instante

Também sem querer
Troco o por MI
O que posso fazer
Se você me deixou assim?

Você que era meu SOL
Não quis mais minha companhia
Foi embora sem
E me deixou sozinha

E eu fiquei por
Ou talvez por ali
Sua voz a ecoar
"Agora, estás por SI"

E hoje eu sigo só
Com o meu violão
E sei que virou pó
Esse meu pobre coração.

Fonte da imagem: Arte de pensar

6 comentários:

dudu disse...

ola taty!!!
pô ficou muito bacana essa poesia
você como sempre escrevendo coisas bonitas..

taty te amo princesa!!!!!!

Malukões disse...

caramba, texto show de bola...
principalmente a polissemia do SOl e do Dó. Muito bom, parabéns!

Guilherme Lombardi disse...

muito bem escrito e elaborado o texto, você tem muito talento, parabéns e sucesso!

Érico disse...

Gostei da originalidade do verso! tbém gostaria de saber como faço pra participar do concurso de blog ok. obs: nào eskeça do comentário no meu blog blz
www.cinemeirosnews.blogspot.com

Cáah Lima disse...

ushuhs, linndo! e criativo! muito beem escrito! *O*
http://oicarolina.wordpress.com/

Lynne disse...

me recordei da epoca q eu fazia poemas / versos e músicas! Tinha tanta inspiração, coração qse n estava machucado!

hj?

so consegui uma poesia semana passada dps de 7 ans rsrs

ameii flor *-*

to seguindo!


http://cliqfeminino.blogspot.com/